Início da Primavera no hemisfério norte

19-03-2014 14:08
 
Equinócios e Solstícios

O eixo da Terra (linha imaginária que une os pólos) tem uma inclinação de cerca de 23º em relação ao plano da orbita da Terra. A Terra ao percorrer a sua órbita em torno do Sol inclinada faz com que uma dada região da Terra não receba as mesma inclinações e intensidades dos raios solares durante o ano, o que interfere sensivelmente no clima do planeta, originando as estações.

O início de cada estação é definido pelo Solstício, para o verão e o Inverno, e pelo Equinócio, para a primavera e o Outono.

O termo Equinócio tem origem nas palavras latinas "aequus", igual, e "nox", noite, ou seja, duração do dia igual à noite. Tal acontece quando o Sol "passa" pelo equador, dando origem a um dia em que a duração do dia é a mesma da noite. Aqui não há inclinação da Terra relativamente ao Sol e os dois hemisférios (as duas metades da Terra) recebem o mesmo tempo de luminosidade. Este fenómeno acontece duas vezes por ano: no Outono, o Equinócio de Outono, a 23 de Setembro e na primavera, o Equinócio da Primavera a 21 de Março.

O termo Solstício vem do latim "solstitium", e significa parada do Sol. No dia em que num dos hemisférios o Sol alcança a posição máxima nos pontos onde nasce e se põe, chama-se Solstício de Verão. Esta parte do hemisfério recebe o maior tempo de luz solar, o que corresponde ao dia mais longo do ano e à noite mais curta. Ao dia em que um hemisfério recebe o menor tempo de insolação, o que corresponde ao dia mais curto do ano e à noite mais longa, chama-se Solstício de Inverno.

 

No Hemisfério Norte, onde está localizado Portugal, as estações do ano fazem-se marcar por estes fenómenos nas seguintes datas:

Estação do Ano Início Fim
Primavera 20 de Março (às 16:57, hora de Lisboa e GMT) com o Equinócio da Primavera, dia em que o dia e a noite têm duração igual  21 de Junho com o Solstício de Verão, dia mais longo do ano
Verão 21 de Junho com o Solstício de Verão, dia mais longo do ano 23 de Setembro com o Equinócio de Outono, dia em que o dia e a noite têm duração igual
Outono 23 de Setembro com Equinócio de Outono, dia em que o dia e a noite têm duração igual  21 de Dezembro com o Solstício de Inverno, dia mais curto do ano
Inverno 21 de Dezembro com o Solstício de Inverno, dia mais curto do ano  21 de Março com o Equinócio da Primavera, dia em que o dia e a noite têm duração igual 

 

Sendo a maré provocada pela acção do Sol e da Lua, quando estes se encontram sobre o Equador, ou próximo dele, as marés tendem a ter uma maior amplitude. No caso do Sol esse fenómeno acontece nos Equinócios, ocorrendo perto desta altura, mais mês menos mês, as marés de maior amplitude, as chamadas marés vivas equinociais. 

 

Fonte/adaptado de: Instituto Hidrográfico da Marinha Portuguesa

 

 

—————

Voltar