Foco de listeriose mata nos E.U.A.

28-09-2011 13:31

Melões cultivados no estado do Colorado (região central dos Estados Unidos) são a origem de um foco de listeriose que matou 13 pessoas e infectou dezenas, anunciaram as autoridades do sector de saúde. Segundo os Centros para o Controle e a Prevenção de Doenças, as mortes foram registadas nos estados do Colorado (2), Kansas (1), Maryland (1), Missouri (1), Nebraska (1), Novo México (4), Oklahoma (1) e Texas (2). Os problemas começaram no dia 15 de agosto, segundo as autoridades.

A Listeria é uma bactéria que ocorre naturalmente e é encontrada em muitos alimentos, especialmente carnes prontas para o consumo embaladas a vácuo, frutas e vegetais crus e produtos lácteos não sujeitos a pasteurização. Traços vestigiais são geralmente bem tolerados no consumo humano, mas o controlo dos níveis da bactéria Listeria é uma consideração importante na preparação de comidas embaladas.

Se não for observado, o crescimento da Listeria pode levar a sérios riscos à saúde, primeiro para aqueles com sistemas imuntários subdesenvolvidos ou comprometidos (como mulheres grávidas, crianças, idosos e doentes), depois para todos os demais. A diferença está no nível de consumo. A listeriose, a infecção bacteriana causada pela ingestão de níveis excessivos de Listeria, sendo uma condição médica séria que pode até mesmo levar à morte, como no presente caso.

O principal desafio à interrupção ou redução adequada do crescimento da Listeria em alimentos prontos para o consumo é que ela prospera a temperaturas que são consideradas ideais para manter a segurança dos alimentos. A refrigeração não ajuda. O desafio é erradicar a sua presença ou inibir o seu crescimento de outras formas, nomeadamente no que se refere às condições de higiene na produção e uma pasteurização efectiva dos alimentos sujeitos a este tratamento.

—————

Voltar